(11) 2232-7122
Tipos de Roteiros
Valor do Câmbio

08/ 12/2017 US$=R$ 3,45 Euros=R$ 4,05

Santuário da Padroeira de Minas terá museu dedicado à devoção mariana

piedade

O Santuário Nossa Senhora da Piedade, Padroeira de Minas Gerais, vai ganhar um espaço cultural e religioso singular: o Museu Maria Regina Mundi (do latim Maria Rainha do Mundo), totalmente dedicado à Nossa Senhora. A iniciativa integra o triênio de preparação para uma data jubilar. Em 2017, serão celebrados os 250 anos de peregrinações ao Santuário, que fica no alto da Serra da Piedade.

O Museu contará com um acervo de 1050 imagens, referentes aos títulos que a Mãe Maria recebe em diversas partes do planeta. Todas as peças foram doadas por um colecionador à Cúria Metropolitana. “Será um local para enriquecer a devoção a Nossa Senhora, garantir o conhecimento da teologia e mariologia e tocar os corações”, explica dom Walmor Oliveira de Azevedo, arcebispo metropolitano de Belo Horizonte.

piedade2No último dia 30, dom Walmor convocou todos os fiéis a viverem um triênio de preparação para celebrar os 250 de peregrinações ao Santuário Nossa Senhora da Piedade. “O objetivo é fortalecer a conscientização sobre a importância do Santuário, valorizando o seu potencial de evangelização e também ambiental, turístico, histórico, cultural e paisagístico”, disse o Arcebispo.

Santuário Nossa Senhora da Piedade

As peregrinações ao alto da Serra da Piedade começaram no século 18. Segundo conta a tradição popular, uma jovem, muda de nascimento, teria recebido o dom da fala após testemunhar uma aparição de Nossa Senhora, com o Menino Jesus nos braços. A partir disso, muitos devotos passaram a peregrinar e a viver momentos de oração no alto da Serra. Em 30 de setembro de 1767, a Igreja Católica autorizou a construção de uma capela no local dedicada à Nossa Senhora da Piedade. Era a origem do Santuário. Quase um século depois, em 1958, o Papa São João XXIII publicou decreto que oficializa Nossa Senhora da Piedade como Padroeira do Estado de Minas Gerais. No dia 31 de julho de 1960, um grande festa marcou a consagração do Estado à sua Padroeira.

Atualmente, a singela Ermida, edificada no século 18, está sendo revitalizada. A obra será concluída até o fim do ano. Na solenidade de reabertura, será novamente levada ao altar a imagem de Nossa Senhora da Piedade, de Aleijadinho, esculpida no século 18 e completamente restaurada, um minucioso trabalho concluído no mês passado.

Apoio e Parceiros

Platanus Turismo — 2017 © Todos os direitos reservados